Quero iniciar na carreira de orçamentista de obras, o que fazer? - Gryfus - Inteligência em Engenharia de Custos e Software - Volare Sisplo BIM - Sistema completo de Orçamento, Planejamento e Controle de Obras

Atuar como um orçamentista de obras exige conhecimentos multidisciplinares do profissional. Nós da Gryfus vamos te explicar agora aspectos importantes a respeito da iniciação na carreira de orçamento de obras.

Antes de tudo, é ideal que se escolha o curso adequado para evitar decepções ou não conseguir tirar o melhor proveito do aprendizado, ou seja, avaliar esse é realmente essa a área de interesse. Então é importante analisar o que se sabe a respeito de orçamento de obras.

Nível básico ou avançado?

Com isso em mente, se você tiver conhecimentos básicos, não são aconselhados cursos de aprimoramentos muito específicos para evitar a falta de aproveitamento de todo o conteúdo. O contrário também pode ser verdadeiro, em caso de conhecimentos avançados, evite cursos muito básicos. Ou seja, reconhecer e compreender em que nível se está para encontrar o nível de curso correto.

Outro ponto importante é encontrar um curso que se encaixe na realidade financeira e na disponibilidade de mobilidade e horário, encontrando assim o mais adequado, um curso diurno, um curso noturno, curso com aulas aos fins de semana, curso com uma aula por mês ou até mesmo um curso com aulas online.

Por ser uma área que exige conhecimentos multidisciplinares, é ideal possuir conhecimentos em áreas como:

• leitura e interpretação de projetos de engenharia;
• legislações de construção civil;
• conhecimentos de informáticas para utilizar as ferramentas de auxílio de tabelas e softwares disponíveis;
• conhecimentos diversos de áreas da engenharia e o conhecimento do dia a dia de uma obra e como são executados os serviços.

Um outro aspecto é considerar a parte prática, pois apenas a teoria não é o bastante, portanto é ideal, além do curso de orçamento de obras, aprender sobre sistemas BIM, como o Volare Sisplo BIM, e conseguir um emprego na área. Com isso, é possível unir os conhecimentos teóricos com os práticos, assim adquirindo experiência cotidiana e de profissionais experientes da área, pois poderão mostrar detalhes que apenas a prática pode proporcionar.

Continuar sempre se capacitando também é primordial independentemente do nível, se atentar nas mudanças de legislação brasileira, novas técnicas construtivas, materiais novos, softwares e ferramentas, etc.

Para maiores informações, nós da Gryfus temos uma página de contato para você tirar mais dúvidas sobre a carreira de orçamentista de obras.

Categorias: Carreira

Tags: sisplo, volare, volare sisplo, volare sisplo bim, terceira onda, BIM, Building Information Model, Modelo da Informação da Construção, grifus, orçamento obras, software orçamento obras, planejamento obras, gryfus, elaboração planejamento obras, elaboração orçamento obras, BIM na Engenharia de Custos, engenharia de custos, engenharia, sistema de orçamento de obras, autocad, Chuck Eastman, orçamentista, técnico em edificação, engenheiro civil, arquiteto, engenheiro, edificação, prédio, legislações de construção civil, conhecimentos multidisciplinares, Quero iniciar na carreira de orçamentista de obras o que fazer, Quero iniciar na carreira de orçamentista de obras